Dúvidas Frequentes sobre Jiu-jitsu

FAQ- post  

dúvidas frequentes sobre jiu-jitsu

Dúvidas sobre jiu-jitsu

FAQ - Questões Frequentes

Abaixo estão algumas questões que frequentemente são perguntadas sobre o Jiu-jitsu.

Se sua questão não foi respondida, ou você possui alguma sugestão, por favor nos envie um email no endereço contato@aquilalanza.com.br, mande uma mensagem por Whatsapp no número 16 98153-1694 ou mande a questão online através do nosso formulário de contato


Dúvidas Frequentes

O Brazilian Jiu-Jitsu (jiu jitsu significa arte suave em japonês) é um esporte, um sistema de defesa pessoal e um programa de treinamento. Foi provado ser o mais prático e efetivo sistema de defesa pessoal do mundo.

Se apóia em um sistema de alavancas e técnicas em vez de força e tamanho. Isto permite que você se defenda contra oponentes mais forte e mais pesados.

Como resultado, o BJJ é um excelente esporte para todos, ainda mais mulheres e crianças.

Atualmente é uma das artes marciais que mais cresce em número de praticantes, devido em grande parte ao sucesso da modalidade no UFC (Ultimate Fighting Championship) e eventos de MMA (Mixed Marcial Arts) em geral.

O jiu-jitsu foca em luta agarrada e e no solo, com o objetivo de ganhar uma posição de vantagem que force o atacante a se 'submeter' ou desistir.

Além disso, o treinamento de jiu-jitsu é um exercício com característica aeróbicas e anaeróbicas, que trabalha o seu metalismo de forma intensa, que ira melhorar a sua saúde e condicionamento, incluindo flexibilidade, força, condicionamento cardiovascular, resistência muscular e habilidade de queimar gordura.
Não. Você não precisa sr forte, flexível ou particularmente com um bom condicionamento para começar no jiu-jitsu.

Ao iniciar os treinamentos de jiu-jitsu, certamente você irá melhorar sua força, flexibilidade e condicionamento (além de equilíbrio, coordenação e mais), mas não é necessário possuir essas características para começar.

AVISO LEGAL: Os médicos recomendam a qualquer um que inicie um treinamento (principalmente se for extenuante) incluindo o jiu-jitsu, a ser examinado fisicamente antes, para garantir que podem praticar com segurança o programa de atividades.
Você geralmente irá usar um Kimono ou o traje No Gi (sem quimono - o quimono é conhecido como Gi) para treinar. Se você estiver fazendo as aulas experimentais, pode usar qualquer roupa confortável ou pegar emprestado os trajes apropriados.

Um quimono consiste de uma jaqueta de algodão, calças de algodão reforçadas (algumas vezes com poliester e de tecido rip-stop. Foi adaptado por Jigoro Kano, o criador do Judô, dos uniformes usados no Caratê. Quando estiver usando o quimono, você e seu oponente terão mais lugares para segurar e usar um contra o outro.

Nós também praticamos e competimos (para aqueles que se interessam por competições) sem o quimono. Isto se chama Jiu Jitsu sem quimono (ou Jiu jitsu No Gi) ou Submission Grappling.

O traje de Nogi consiste de bermudas de combate e uma 'Rash guard' - (segunda pele).
Não.

A grande maioria das pessoas que aprendem e treinam jiu jitsu não competem. É claro, as competições podem ser uma razão para criar objetivos e um grande modo de se desafiar e se testar. Nós encorajamos quem quer que queria competir a fazê-lo, mas não temos nenhuma expectativa ou requisições para tal.

Venha aprender, entrar em forma e curtir o esporte. Você sempre pode decidir se quer ou não competir mais tarde.
O Jiu jitsu, como arte marcial, provou-se o mais eficiente em situações de combate 1-contra-1:
  1. desafios,
  2. o Ultimate Fighting Championship (Mixed Martial Arts) e
  3. o militar / policial:

Vamos a eles:

1. Desafios

Um dos principais métodos de avanço do esporte durante o seu desenvolvimento inicial, foi o fato de aceitar ou desafiar para lutas de desafio, com o intuito de testar a arte suave contra outros artistas marciais, lutadores e / ou caras durões.

Os praticantes de Jiu Jitsu venceram consistentemente esses confrontos, e as perdas ou fraquezas que foram expostas resultaram em ajustes no esporte (movimentos / posições menos úteis foram alterados ou eliminados e técnicas mais efetivas foram adicionadas).

2.UFC

Inspirado nos desafios e vídeos subsequentes, o Ultimate Fighting Championship (UFC) foi criado em 1993 por Rorion Gracie, Art Davie e John Milius para mostrar a eficácia do Jiu Jitsu brasileiro.

Royce Gracie (irmão mais novo de Rorion) entrou nos primeiros quatro UFCs. Apesar de ser o competidor mais leve em todos os 4 eventos, ele venceu 3 deles (UFC 1, UFC 2 e UFC 4). Ele se retirou da final do UFC 3 devido à desidratação. Ele não perdeu uma partida e teve 11 vitórias consecutivas por finalização, um recorde que permanece até hoje.

Talvez a única atribuição mais significativa ao jiu jitsu seja que todo artista marcial misto e quase todos os artistas marciais sérios incorporam o jiu jitsu brasileiro como parte essencial de seu programa de treinamento.

3. Militar/Policial

O Programa de Combate do Exército Moderno (MACP) do Exército dos EUA baseia-se largamente no jiu jitsu, e seu fundador, Matt Larsen, é faixa preta de Jacare Cavalcanti e membro da família Alliance de academias de jiu jitsu.

______ Essas são evidências da eficácia do jiu jitsu e também são uma explicação para tal. A maioria das artes marciais é baseada em filosofia ou forma, mas o jiu jitsu brasileiro sempre enfatizou a realidade como o árbitro final da eficácia.

Ao testar a arte contra os outros, o esporte evoluiu para algo que funciona em situações da vida real. Isso é reforçado pelo fato de que se pode praticar Jiu-Jitsu em classe dando praticamente 100% do seu esforço, basicamente da mesma maneira que você faria na vida real.

A maioria das artes marciais é baseada em socos ou chutes poderosos e extravagantes, mas você não pode praticar esse tipo de ataque a 100%, para não deixar seu parceiro inconsciente ou hospitalizado. Como conseqüência, a maioria das artes marciais praticam no ar (formas), ou eles acertam almofadas / bolsas / pranchas, ou isso é feito em velocidade / potência parcial.

Nem o ar, as tábuas nem os sacos revidam. É quase impossível saber se os chutes funcionam ou não em um encontro da vida real, e a história nos mostra que eles geralmente não o fazem - especialmente se o atacante / oponente for maior ou mais forte.

Como o BJJ pode ser praticado a toda velocidade, a prática é quase exatamente como um encontro da vida real. Todos os dias que você pratica, recebe um feedback instantâneo sobre o que funciona e o que não funciona, e está constantemente ajustando sua técnica para melhorar a eficácia.
O jiu jitsu é um esporte muito seguro, e a segurança é um dos princípios básicos da escola Amarelo e Cipó Jiu Jitsu.

Nossas Regras de conduta, nosso programa de currículo e metodologia, processo de prática e métodos de instrução garantem a segurança em primeiro lugar.
Hoje é o dia em que você pode começar sua jornada que definitivamente mudará sua vida. Clique aqui e inscreva-se para uma aula grátis de Jiu-Jitsu
O nosso Brazilian jiu jitsu é para todos - independentemente do sexo ou idade. O jiu jitsu brasileiro foi originalmente formulado para uso por pessoas menores e mais fracas, permitindo que eles se defendessem de ataques maiores e mais fortes. Dessa forma, o jiu jitsu é perfeitamente adequado para mulheres, crianças, jovens e idosos. Qualquer um pode e deve participar!
NÃO.

Qualquer pessoa, em qualquer idade, pode fazer jiu jitsu. A escola Amarelo e Cipó tem alunos com todas as idades. Confira alguns desses links para obter mais provas de que a idade não é um limite.
Nenhuma preparação é necessária. Apenas traga seu traje (gi ou nogi), chinelos e venha aprender e divirtir-se! Se você não tiver um kimono, peça emprestado um dos nossos para as suas aulas introdutórias. Se você já tiver um kimono, garanta que não tem nenhum outro patch de academia.
A ordem de faixas para adultos é: Branca, Azul, Roxa, Marrom, Preto, Vermelho / Preto, Vermelho / Branco e Vermelho.

Algumas escolas concedem “faixas” para faixas branca, azul, roxa e marrom, com base (normalmente) na frequência de tempo / prática.

Aqui na Nossa escola usamos a seguinte prática para que os estudantes se habilitem ao exame de faixa:
  • Branca: 1 Grau a cada 30 aulas (classe de nível apropriada requerida), até 4 Graus. Depois de mais 30 presenças, será realizado exame de faixa.
  • Azul: 1 Grau a cada 65 aulas (classe de nível apropriada requerida), até 4 Graus.
  • Roxa: 1 Grau a cada 75 aulas (classe de nível apropriada requerida), até 4 Graus.
  • Marrom: 1 Grau a cada 85 aulas (classe de nível apropriada requerida), até 4 Graus.
A decisão de promover qualquer indivíduo de faixa em faixa é um processo subjetivo baseado em critérios além da simples participação. Geralmente, a atitude, o conhecimento técnico e a habilidade demonstrada são elementos importantes para a promoção de faixas, com traços de caráter, liderança, etc., cada vez mais importantes em níveis mais altos. Confira mais sobre isso em nossa apostila clicando aqui.

Crianças, até os 16 anos de idade, usam um sistema de classificação de faixa diferente que inclui branca, cinza, amarela, laranja e verde.

Aqui neste link você pode ver o sistema de ranking de faixas da IBJJF que  é seguido pela Escola Amarelo e Cipó Jiu-jitsu.
A jornada no jiu jitsu é muito mais rigorosa do que a maioria das outras artes marciais, mas quando você vê uma faixa preta, você sabe que foi merecida. Embora cada pessoa seja única, geralmente leva de 8 a 15 anos para chegar à faixa preta no jiu jitsu brasileiro.

Demora 9 meses - 18 meses para ir de faixa branca para azul e depois 2-5 anos cada para a faixa subseqüente, até a preta.
O jiu-jitsu brasileiro é um dos melhores treinos que você pode obter, e oferece resultados muito melhores do que um típico exercício aeróbico. Também é muito mais divertido e interativo do que a maioria dos programas de exercícios, então você acaba se exercitando mais e mais.

Muitas pessoas o praticam principalmente para os benefícios de saúde / exercício, que aumentam o tônus ​​muscular e reduzem a gordura corporal enquanto melhoram seu equilíbrio, coordenação, capacidade cardiovascular e resistência muscular.
A diferença maior entre os dois programas é a exclusividade. Nas aulas particulares você terá o treinamento direcionado especificamente para você.

O que isso quer dizer?

Com relação à exclusividade, você irá treinar em horários separados, de acordo com sua agenda e irá ter a atenção total do professor. Com isso, poderá ter mais dúvidas respondidas e sanadas, o que de outro modo, durante as aulas coletivas, não seriam normalmente respondidas, devido à atenção do professor ser mais dividida.

Além disso, o currículo será feito especificamente para atender às suas necessidades, fazendo normalmente com o que seu avanço seja mais rápido.

Outro detalhe é que, ao fazer o treino técnico com o professor, você terá um "uke" (aquele que toma as posições) quanto um "tori" (aquele que faz as posições) melhor e mais bem preparado. Isso sem dúvida faz muita diferença, pois as correções são feitas em tempo real, o que também economiza tempo no seu desenvolvimento.
No nosso blog você irá encontrar muito conteúdo sobre jiu-jitsu. Você terá acesso à vídeos, artigos e materiais para download.

Se você tem mais dúvidas, por favor baixe o EBOOK grátis, "Guia do iniciante no jiu-jitsu":

https://aquilalanza.com.br/ebook-gratuito/

Este é um material que irá sanar muitas de suas dúvidas
Neste artigo em nosso blog você poderá ver o que é cobrado no exame de faixa azul, e as técnicas que você irá aprender para trocar de faixa
Prezamos muito o ambiente de treinamento, para que o Dojô seja um local onde se possa sentir-se à vontade e ao mesmo tempo respeitar seus limites e o dos seus parceiros de treino.

Neste sentido, temos um conjunto de regras de conduta que seguimos para manter o ambiente adequado para todos os praticantes.

As Regras de Conduta servem para preparar e cultivar o terreno no qual será construído o jiu jitsu, viabilizando o treinamento.

Estas regras existem para que se crie um ambiente harmonioso no dojô durante as aulas. Se cada um fosse fazer o que lhe conviesse, ficaríamos em um clima insuportável no tatame.

Logo, este conjunto de normas de convivência e comportamento durante as aulas e também fora delas é imprescincível, pois este é um dos princípios da arte marcial.

Veja mais sobre as Regras de Conduta aqui.
Imagem com o ebook Guia do Iniciante no jiu-jitsu

Preencha seu email para fazer o download do ebook